VACINA JÁ

Pai e filho morrem em Guarapuava no intervalo de 11 dias

Rapaz tinha 23 anos e trabalhava na lanchonete da Rodoviária

Quinta-feira, 03 de junho de 2021

Mais um caso de parentes, neste caso pai e filho, que perdem a vida para a Covid-19 em Guarapuava.

Onze dias depois do falecimento de Denilson Barbosa Coelho, de 47 anos, nesta madrugada de terça-feira o seu filho Elder Soares Coelho, 23 anos, faleceu no Instituto Virmond.

Denilson veio a óbito na UPA da Primavera, à espera de uma vaga de UTI, e era funcionário da Estilo Palito. Elder trabalhava na lanchonete da Rodoviária Municipal, uma pessoa bastante conhecida, e será sepultado às 16 horas desta quinta-feira no Cemitério Santo Antônio.

Comentários

-->