Geral > ECONOMIA

Guarapuava ocupa 23ª posição na geração de empregos, atrás de Irati

A diferença populacional entre a primeira e a segunda cidade é de 130.000 habitantes

02/04/2024

Guarapuava ocupa o 23º lugar entre os municípios que mais geraram empregos no Paraná, abaixo de cidades menores, como Irati, Rolândia e outras, conforme levantamento publicado pela Agência Estadual de Notícias. O relatório analisa o primeiro bimestre de 2024 e, também, o acumulado dos últimos 12 meses (março de 2023 a fevereiro de 2024), período em que todo o Paraná gerou 107.805 vagas, sendo considerado o melhor resultado da região Sul, atrás apenas de São Paulo (435.164), Rio de Janeiro (164.185) e Minas Gerais (160.738). 

No primeiro mês do ano, Guarapuava apresentou saldo positivo, com abertura de 387 novas frentes de trabalho (2.800 admissões para 2.413 desligamentos). A maioria dos novos empregos foi ocupada por mulheres. O município seguiu uma tendência que atingiu o Brasil inteiro. Além do rescaldo da oferta da temporada de fim de ano, o País começou a sentir melhora na economia. 

A Secretaria Municipal de Comunicação Social da Prefeitura divulgou declarações do prefeito Celso Góes, destacando o crescimento no primeiro mês do ano, em Guarapuava.



Chama atenção o fato de municípios menores, tanto do ponto de vista econômico, como também populacional, terem alavancado mais postos de trabalho do que Guarapuava (foto no alto), comparado a Irati (acima) 

Enquanto Guarapuava ficou com saldo de 412 postos, Irati ficou acima, com 447. Proporcionalmente, o número é mais significativo, pois Irati tem 60.000 habitantes, ou 30% da população de Guarapuava, de 180.000 moradores. 

AVALIAÇÃO ESTADUAL

Considerando o resultado geral de 2023 no Paraná, o governo estadual interpreta que a economia paranaense alcançou uma evolução de 5,8%, expressando a expansão das atividades econômicas das cidades. De acordo com o Caged, 311 municípios, o que equivale a 78% do total de 399, tiveram alta no mercado de trabalho no acumulado do ano passado. Em um deles, Flor da Serra do Sul, o número de admissões foi o mesmo que o de desligamentos. As outras 87 cidades registraram saldo negativo no período.

Curitiba liderou as contratações com 22.682 vagas abertas. Entre os dez melhores resultados também estão Londrina (7.243), Maringá (6.465), São José dos Pinhais (5.956), Ponta Grossa (4.459), Foz do Iguaçu (2.887), Cascavel (2.735), Assis Chateaubriand (2.657), Araucária (2.561) e Colombo (2.239).

PRIMEIRO BIMESTRE DESTE ANO

O Caged também aponta que o Estado gerou 52.091 vagas de emprego com carteira assinada no primeiro bimestre de 2024, terceiro melhor saldo do País no período. Foram 19.048 novas vagas em janeiro e 33.043 postos abertos em fevereiro, o melhor resultado para o mês em três anos no Estado. O Paraná ficou atrás apenas de São Paulo (137.498) e Santa Catarina (52.193), com um saldo mais alto inclusive que o de estados mais populosos, como Minas Gerais (47.538) e Rio de Janeiro (18.624).

Entre os 399 municípios paranaenses, 303 tiveram saldo positivo na abertura de vagas no bimestre, o que equivale a 76% do total. Em cinco deles, o número de admissões e de desligamentos foi o mesmo, e nos outros 93, o saldo foi negativo.

Respondendo por um terço das vagas abertas, Curitiba liderou a geração de empregos no Estado no período, com 17.768 novos postos. Na sequência aparecem Londrina (3.081), Maringá (2.706), Cascavel (2.001), Araucária (1.557), Ponta Grossa (1.428), Toledo (1.418), São José dos Pinhais (1.312), Foz do Iguaçu (689), Apucarana e Francisco Beltrão, com 624 vagas cada.

Completam o top 30 as cidades de Arapongas (584), Palmas (584), Pinhais (554), Pato Branco (547), Colombo (541), Ibiporã (539), Rolândia (487), Paranavaí (465), Irati (447), Campo Largo (420), Fazenda Rio Grande (418), Guarapuava (412), Assis Chateaubriand (377), Medianeira (370), Campina Grande do Sul (368), Campo Mourão (342), Paiçandu (342), Sarandi (326) e Almirante Tamandaré (312).

O Paraná chega a um estoque 3.143.492 trabalhadores com carteira assinada.
 

;

Últimas Notícias